Deixa o seu like na Página


Governador faz homenagem aos sobreviventes do ´processo dos 50´

Por:Wilton António de Almeida

O governador provincial de Luanda, Sérgio Luther Rescova, homenageia hoje os sobreviventes do “Processo dos 50”, um conjunto de três processos políticos que se iniciaram a 29 de Março de 1959 com as prisões de vários nacionalistas angolanos, terminando em 24 de Agosto do mesmo ano com a última prisão

Governador faz homenagem aos sobreviventes do ´processo dos 50´

O “Processo dos 50” permitiu que a Organização das Nações Unidas começasse a discussão sobre a Independência de Angola e internamente culminou com os massacres de Icolo e Bengo e da Baixa de Cassanje, a luta de 4 de Fevereiro e do 15 de Março de 1961, protagonizado pelas forças nacionalistas, disse Amadeu Amorim, um dos sobreviventes.
Em declarações à imprensa, no ano passado, sobre a efeméride, o nacionalista disse que os acontecimentos do dia 29 de Março de 1959 deram expressão e conhecimento ao mundo de que Angola e os angolanos queriam lutar pela
sua Independência.

Enviar um comentário

0 Comentários