Deixa o seu like na Página


1º de Agosto pretende confirmar qualificação contra Green Eagles

O futebol angolano está à beira de competir pela primeira vez com duas equipas na fase de grupos da Liga dos Clubes Campeões, caso o 1º de Agosto confirme hoje a qualificação, quando defrontar o Green Eagles, às 17h00, no Estádio Nacional 11 de Novembro, depois de o Petro de Luanda, vice-campeão, ter conseguido sexta-feira o apuramento para a etapa dos cifrões da competição, ao empatar na deslocação ao reduto do Kampala City, no Uganda.

Depois do triunfo em casa dos zambianos, o 1º de Agosto entra ainda mais motivado, pelo facto de o conjunto petrolífero ter garantido presença na fase seguinte da prova, e espera fazer o jogo pelo jogo, de modo a confirmar a tão ambicionada qualificação.
A jogar na condição de equipa visitada, a formação militar não vai permitir que o adversário assuma as despesas de jogo, uma vez que o técnico Dragan Jovic dispõe de três trunfos na cartola. 
O bósnio quer ver um 1º de Agosto agressivo, à semelhança do primeiro desafio, com base numa defesa bastante sólida, meio campo criativo e ataque eficaz . 
A equipa de Dragan Jovic não se vai socorrer da vantagem que trás da primeira parte da eliminatória. O 1º de Agosto vai querer fazer muito mais do que na deslocação à Zâmbia, porque tem um grupo capaz de se impor e ultrapassar o Green Eagles.
O tetra-campeão angolano tem de ser paciente e nunca perder a cabeça quando as coisas estiverem a correr mal. Até ao primeiro quarto de hora (15 minutos), a formação angolana tem de procurar estar em vantagem, a fim de contrariar os propósitos das “Águias Verdes”. 
Na presente época futebolística, o 1º de Agosto disputa o 11º desafio, com saldo de oito vitórias e duas derrotas. Os desaires aconteceram no Girabola’2019/20 e na Supertaça de Angola, respectivamente.
Sabendo de antemão do grau de importância da partida, Dragan Jovic viu-se na obrigação de mexer no esquema táctico da equipa, mas não vai alterar o “onze” utilizado no Estádio Nkolama.
Regresso à baliza

Ausentes nos desafios com o Ferrovia do Huambo e Santa Rita do Uíge, para dar minutos de jogo a Neblú, o guardião Tony Cabaça regressa à titularidade frente ao 10º classificado da Liga Zambiana de Futebol, com quatro pontos, em três encontros disputados.
No lado direito da defesa, vai actuar o experiente Isaac, e Paizo, na esquerda. Como pivôs defensivos, a dupla Dani Massunguna e Bobô. O papel de trinco vai ser desempenhado por Macaia. Nas alas vão jogar Kila e Zito Luvumbo. O luso-nigeriano Ibukun será o “pensador do jogo, e no ataque Ary Papel e Mabululu.
Do lado do Green Eagles, o técnico Aggrey Chiangi deve entrar com a mesma equipa que actuou na primeira “mão”, com Sebastian Mwange, Bonston Muchindu, Sam Manyepa, Gift Wamundila, Tapson Kasea, Kennedy Musenda, Andrew Kwiliko, Spencer Sautu, Amity Shamende e Samson Chilupe.
A Confederação Africana de Futebol (CAF) indicou um quarteto de árbitros etíopes, chefiado por Tessema Bamlak, coadjuvado por Samuel Temesgin e Tebabal Tadesse. O comissário ao jogo é o moçambicano Victor Teixeira.

Enviar um comentário

0 Comentários